sábado, 19 de agosto de 2017

DEDILHADO



 https://youtu.be/KrAYkXvOcZg

Mais uma música postada no Youtube!. Essa em parceria com Martha Taruma, que também canta a canção. Essa é mais uma música do CD Refiz Estradas gravado nos estúdios Luperan, em São Pedro da Serra. A direção musical, gravação e instrumentos são de Rodrigo Garcia.


terça-feira, 15 de agosto de 2017

BEM NA FRENTE

   
BEM NA FRENTE
- José Timotheo -

Tenho, bem na frente dos olhos
Um monte de flores
Que apalpo mas não vejo como flores
Tenho, bem na frente dos olhos
Um monte de qualquer mato
Que apalpo e sinto como flores
Tenho, bem na frente do mato e das flores
Um par de olhos que deixam
A verdade escorregar pela mentira
Vejo, então, na frente da própria consciência
O mato enfeitando o esquecimento
E as flores sepultando a razão

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

TARJA

          
TARJA
Minha terra chora
As sabiás se envergam sobre seus cantos
Os colibris já não beijam
Mordem as flores
As borboletas não colorem o céu
Enegrecem a esperança
Até os pardais abandonam as manhãs
Sepultando-se pelos telhados
É
Minha terra chora
O dia já não nasce mais hoje
Abortaram-no ontem
E nem do passado
Pode-se colher a saudade
Minha terra cala
E minha gente enforca-se com os sonhos
É o futuro estendido, indigente
Numa cova rasa

terça-feira, 1 de agosto de 2017

ONDE ESTÁ O CANTO?


ONDE ESTÁ O CANTO?
Sento-me na ponta da vida a pedir explicações
Do canto que outrora fluía alegre
Mas que, hoje, morre no meu peito
Não sei o que houve com os meus sonhos
Com quase todos os meus olhares
Que te cercavam de saudade
Com as minha esperanças
A correrem pelos campos com a tua esperança
Do meu adeus nas manhãs cansadas
E, até, das minhas fantasias
Fantasiando as tuas fantasias
Tudo em mim criava canções
Onde está?
Onde está o meu canto?
Está amarrado a outros cantos mudos?
Está cansado de gritar
Às desafinações do mundo?
Está cansado de correr
Pelas cabeças, mas sem ecoar nos corações?
Talvez já esteja, até
Na boca de algum mudo
Quem sabe?
Mas onde está o meu canto?
Quero o meu canto
Antes que sepultem o último aplauso